Cultura japonesa em Curitiba

Cidade que nasceu e cresceu com imigrantes presta homenagem aos japoneses em feiras e locais repletos de história.
Os japoneses vieram ao Brasil a partir de 1908, em um acordo entre ambos os países. Dedicados inicialmente às lavouras de café do norte do Paraná e à cultura de hortaliças, chegaram em Curitiba a partir de 1915. Hoje, a cidade tem cerca de 150 mil descendentes, segundo a Associação Cultural e Beneficente Nipo-Brasileira da cidade. Apesar de muitos já não se dedicarem à lavoura, a presença de japoneses é forte nas feiras, bancas do Mercado Municipal e na oferta de restaurantes.

A Avenida Iguaçu e adjacentes, entre os bairros Batel e Água Verde, concentra muitos lugares onde é possível comer peixe cru e outras iguarias da culinária japonesa. Já nas feiras diurnas e noturnas espalhadas pela cidade os pastéis são o carro chefe, mas também dá para encontrar temaki e outros pratos para comer com ‘hashi’ ou, para os leigos, ‘palitinho’.

Mas a cultura japonesa não se conhece apenas pelo estômago. O Parque da Imigração Japonesa, que foi reaberto recentemente, é um espaço que homenageia os descendentes centenários. Reformado pela companhia de saneamento do estado, a Sanepar, o parque ganhou um centro de educação ambiental, o Memorial do Rio Iguaçu, que organiza atividades para conscientização sobre sustentabilidade e preservação de recursos naturais, principalmente a água.

Outro lugar para conhecer é o Palácio Hyogo, onde fica o Instituto Cultural e Científico Brasil-Japão. A casa é um exemplo de arquitetura japonesa e abriga um auditório, uma sala de exposições e uma sala de fotos e informações sobre a cidade-irmã de Curitiba, Himeje. O Consulado do Japão também organiza atividades esporadicamente em outros espaços da cidade, como mostras de filmes, exposições itinerantes e encontros sobre economia, cultura e esportes, sempre abertos e gratuitos.

Há também alguns festivais, como o Haru Matsuri, o Festival da Primavera, entre setembro e outubro; o Imin Matsuri, o Festival da Imigração Japonesa, que acontece em junho, e o Hana Matsuri, que é a festa das flores e aniversário do Buda histórico, em abril. Alguns eventos incluem mostras de vestimentas tradicionais, workshops de haicai (poemas curtos), oficinas de mangá, origami e, como não, culinária.

Sala Himeji

A Sala Himeji fica dentro do Memorial de Curitiba, um espaço cultural no centro da capital. O nome da sala é uma homenagem à cidade-irmã Himeji, onde fica um castelo que é tesouro nacional do Japão e Patrimônio da Humanidade da UNESCO desde 1993. A maquete do Castelo Himeji fica exposta nessa sala do Memorial, e representa a construção original, feita em 1346 com madeira e várias passagens secretas.

Praça do Japão

Localizada na Avenida Sete de Setembro, na Praça do Japão o visitante irá apreciar as 30 cerejeiras doadas pelo governo nipônico e lagos construídos nos moldes japoneses. Na mesma praça estão a Casa da Cultura, onde há uma biblioteca, o Centro Zen Budista e a Casa de Chá, onde toda quinta se realiza a tradicional cerimônia para servir a bebida mais popular da Ásia.

Espanglish Traduções
Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradução simultânea em japonês.
(41)3308-9498 / (41)99667-9498
atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

Os Estilos De Música Mais Populares Da Espanha

Espanglish Traduções

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradução simultânea em espanhol.

http://www.espanglish.com.br

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

A música é parte integrante da vida espanhola e é no centro de todo festival e celebração. Do flamenco famoso e extravagante ao sabor único do rock alternativo do país, as diversas regiões da Espanha produzem e desfrutam de diferentes sons. Há uma gama enorme para os amantes da música explorarem, mas para começar, aqui está o nosso guia para os tipos de música que são mais apreciados em Espanha.

Guitarra Clássica

Quando pensa em música espanhola, uma das primeiras imagens que podem aparecer na sua cabeça são de um guitarrista espanhol tocando na Andaluzia, onde a guitarra foi inventada. O violão clássico espanhol foi levado a novos patamares por nomes como Carlos Montoyo, Manuel de Falla, Joaquín Rodrigo e Narciso Yepes, e muitos acreditam que Andrés Segovia estabeleceu o violão clássico como um gênero por si só.

Pop

Macarena , alguém? A música pop é tão grande na Espanha quanto em qualquer outro lugar. Embora muito do que você vai ouvir em bares e clubes seja americano ou britânico, a Espanha também tem muitos talentos locais. Bandas espanholas são famosas por produzirem algumas das músicas pop mais bacanas do Los Del Rio e seu hit dos anos 90, ‘Macarena’ (que você ainda pode ouvir em clubes espanhóis) para David Bisbal, e mais recentemente, os gostos de O indie rock é enorme na Espanha, com lendas indie como Los Planetas creditados com a explosão de popularidade do gênero aqui. Mais recentemente, bandas locais fazendo ondas na Espanha e no mundo todo incluem o peculiar Pony Bravo e Fuel Fandango, que incorporam tudo do rock ao flamenco em seu som.

Fuel Fandango | Imagem cedida por http://www.fuelfandango.com

Bacalao

De volta ao dia (em meados dos anos 80, para ser exato) Valência era a capital espanhola do hedonismo, uma espécie de mechica dos clubes anos antes de alguém saber sobre Ibiza. E muitos dos clubes tocavam um tipo de música chamada

bacalao;

que significa ‘cod’ em espanhol, a palavra vem de gírias usadas por DJs valencianos para descrever boa música importada do exterior em meados dos anos 80 (nada da Nova Ordem às Irmãs da Misericórdia.) Hoje você ainda pode encontrar um ou dois clubes em Valência com uma história que remonta a esse tempo, e a cidade continua sendo um ótimo lugar para festejar. Jazz Jazz tem um grande número de seguidores na Espanha, com cada cidade ostentando um par de excelentes bares de jazz fazendo shows de artistas locais e internacionais. Festivais de jazz são realizados em toda a Espanha no verão, de Barcelona a San Sebastián.

Clássica

As cidades da Espanha abrigam incríveis casas de show clássicas de classe mundial. Grandes concertos em Madri acontecem no magnífico Auditório Nacional de Música, sede da orquestra nacional espanhola. Em Barcelona, pode apanhar grandes nomes em concerto no excêntrico art nouveau Palau de la Música, enquanto o próprio Palau de la Música de Valência também organiza um programa completo de eventos com artistas locais e nacionais. Em todas as três cidades (e outras em toda a Espanha), numerosos concertos ao ar livre também acontecem em parques e jardins no verão

Palau de la Musica, Valencia | Cortesia do Turismo de Valência

Jota

Os estilos musicais mais tradicionais ainda estão prosperando na Espanha hoje. Um deles é o jota, que mistura violão, castanholas, pandeiros e às vezes a flauta. O estilo, popular em toda a Espanha, é dito ter origem em Aragão, e agora você pode ver variações consideráveis de uma região para outra.

Zarzuela

Outra forma tradicional de música, zarzuela é uma espécie de ópera popular que começou como uma espécie de entretenimento judicial no Palacio de la Zarzuela, perto de Madrid. Essa forma de arte expressiva foi suprimida sob Franco em seus esforços para tornar a cultura espanhola uniforme em todas as regiões, mas depois de sua morte a forma se tornou incrivelmente popular, especialmente com a geração mais jovem, e hoje você pode ouvir na TV e rádio. >Cantos gregorianos

Fonte: https://pt.yourtripagent.com/1707-10-most-popular-styles-of-music-in-spain

10 PONTOS TURÍSTICOS MAIS VISITADOS NOS ESTADOS UNIDOS

Espanglish Traduções

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradução simultânea em inglês.

http://www.espanglish.com.br

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

De norte ao sul, os Estados Unidos reservam atrações que atraem milhões de turistas do mundo inteiro. E tem para todos os gostos: para quem gosta de compras, de parques, de jogatina, de natureza e muito mais! Pensando nisso, a Travel and Leisure, especialista em guias de viagem, listou quais são os pontos turísticos mais visitados do país.

Pontos turísticos mais visitados nos Estados Unidos

Confira o ranking e veja se você foi mais um, entre milhões de pessoas, a visitarem esses cartões postais:

1) Times Square, Nova York

Com 39,2 milhões de visitantes por ano, as cores, telões e sinais luminosos encantam os turistas. É impossível ir à Nova York e não ver de perto essa bagunça organizada chamada Times Square e tirar a foto clássica nos degraus da região mais visitada dos EUA.

2) Central Park, Nova York

Não existe parque mais famoso no mundo do que esse. Quem nunca viu, pelo menos, um filme que tem esse local, que é o pulmão de Nova York, como cenário? Por isso, esse é um dos pontos de parada de 38 milhões de visitantes por ano.

3) Union Station, Washington

Essa é a estação de trem que liga o subúrbio de Washington para o centro da capital norte-americana. Por lá, há mais de 70 lojas, que atraem turistas que não resistem às compras no país do dólar. Por ano, 37 milhões de pessoas passam pela estação.

4) Strip, Las Vegas

Impossível ir à Las Veja e não passar pela Strip. É ali que estão os mais famosos e luxuosos hoteís cassinos da cidade dos jogos. O local possui sete quilômetros e, por ano, recebe 29,4 milhões de visitantes.

5) Cataratas do Niágara, Nova York e Ontário

Esse é ponto de parada para quem está nos Estados Unidos ou no Canadá, já que se encontra na fronteira dos dois países. As cataratas são as maiores quedas d’água da América do Norte e, anualmente, atraem 22,5 milhões de turistas.

6) Grand Central Terminal, Nova York

A estação de trem de Nova York não é só um local onde os moradores da cidade pegam o transporte para se locomoverem. É também um cartão postal e cenário de filmes e seriados. O local conta com uma bela arquitetura e possui lojas e restaurantes. Por ano, 21,6 milhões passam por lá.

7) Faneuil Hall Marketplace, Boston

18 milhões de pessoas visitam, anualmente, esse mercado histórico. Ali, George Washington fez discursos pela independência do país.

8) Magic Kingdom, Orlando

Quem nunca sonhou em ir à Disney? 16,9 milhões de pessoas realizam esse sonho todos os anos e conhecem o icônico castelo da Cinderela. Além de verem a queima de fogos, os turistas podem se divertir nos brinquedos que agradam não apenas as crianças.

9) Disneyland Park, Anaheim, Califórnia

Esse foi o primeiro parque da Disney e, embora seja bem menor do que o irmão mais novo de Orlando, esse parque recebe 15,9 milhões de turistas e é o segundo mais visitado do mundo.

10) Píer 39, São Francisco

Outra atração que fica na Califórnia, o Píer 39 é um dos locais mais visitados de São Francisco. O animado ponto turístico conta com lojas, restaurantes, artistas de rua e oferece uma vista privilegiada a ilha de Alcatraz e da Golden Gate. Por isso, atrai 14 milhões todos os anos.

Fonte: http://amelhorcoisadaminhavida.com.br/pontos-turisticos-mais-visitados-nos-estados-unidos/

15 curiosidades sobre o Japão

Assista esse vídeo que mostra 15 curiosidades sobre o Japão:

canal:  Mega Curioso

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradução Simples em Japonês

http://www.espanglish.com.br 

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br