A importância do inglês no nosso dia a dia

http://www.espanglishtraducoes.com.br-atendimento@espanholinglescuritiba.com.br-(41)3308-9498

http://www.espanglishtraducoes.com.br/conteudos/cursos-de-ingles.html

O inglês está se tornando cada vez mais imprescindível no mundo em que estamos inserido, a globalização faz com que a língua se torne algo fundamental nos tempos atuais, o inglês está tomando força a cada dia, agora junto com a informática e internet, então, estão com força total…O uso de uma língua tão conhecida é de grande valia para obtenção da comunicação.

O inglês é uma língua internacional.A língua das viagens, negócios,estudos, enfim , a língua da comunicação com todo o mundo, a língua da globalização.

A cada dia que passa fica mais visível a importância e influência que esta língua tem na nossa vida.É só olharmos ao nosso redor, para o nosso lado, que nos deparamos com a língua inglesa em nossa vida, e olhe que em várias situações, e não são poucas…Quer ver só?Então vou escrever um pequeno texto para vocês terem uma idéia do que eu estou falando!Fique ligado!

Estava em casa com muita vontade de sair, porém eu me sentia meio down , para ver se melhorava um pouco tomei um banho, me arrumei e decidir sair para ver se melhorava umouco, chamei meu marido para irmos aoshopping center , pois, convenhamos, não há nada melhor do que fazer umas comprinhas para o stress fugir…Então chegando lá ví logo que as lojas, muitas delas estavam on sale , então me animei e resolví mudar o meu look , comprar umas roupas fashion , e me sentí muito melhor…De repente deu aquela fome, então decidí ir a um fast food ou ao Mc Donaldfazer um lanche…Pedí um milkshake , coca light , chessburguer e um sorvete diet, comí muito, depois tive um insight… Decidí ligar para casa , falei com meus filhos e o mais velho disse que estava navegando nainternet,viu que na previsão do tempo ía dar sol e perguntou se podíamos ir para praia amanhã? Meu marido logo se empolgou, porém lembrei de passar no drive throw da farmácia e comprar um sundown, pois o lá de casa já tinha acabado. No caminho de casa avistei um outdoor muito interessante da Wave beach e outro que mostrava um carro com umdesigner super moderno… Chegando em casa lembrei que tinha comprado umas balas da ice kiss para eles e todos me agradeceram…Loucos por balas!Brincamos um pouco, jogamosplaystation e fomos dormir…

Finalmente amanheceu e fomos para praia , levamos as raquetes defrescoball e bolas e o discofly e alguns drinks… Ainda bem que não tinha ninguém de topless, afinal de contas eu estava com meus filhos e o meu marido… A única coisa que teve foi um alvoroço, pois parece que uma top model estava por lá causando stress nas mulheres e fazendo os homens ficarem relax e ligados num plug

No final das contas tudo acabou bem e voltamos tranquilamente para casa sem pegar a hora do rush , o ferryboat não estava cheio e tudo correu muito bem…é agora deixa eu ir pois tenho que carregar a bateria aquí do meu notebook, ele já está apitando …Pedindo um help!Bye!

Fonte: http://charlenecerqueira1.blogspot.com.br/

Por que seu filho deve aprender inglês?

http://www.espanglishtraducoes.com.br-atendimento@espanholinglescuritiba.com.br-(41)3308-9498

http://www.espanglishtraducoes.com.br/conteudos/cursos-de-ingles.html

Descubra por que aprender a língua inglesa é importante para a formação do seu filho

O inglês está em todo lugar. No nome de lojas e de produtos, nas músicas que tocam nas rádios, nos programas que assistimos na televisão e, claro, na internet… E isso não acontece só no Brasil. O mundo atual, ou pelo menos o mundo ocidental, está conectado por meio da língua inglesa e saber se comunicar nesse idioma pode ser decisivo para a vida profissional – e até pessoal – de seu filho no futuro. “O inglês assumiu uma importância enorme. Tornou-se a língua de referência para a comunicação, tanto para negócios, quanto para lazer”, diz Rita Botter, coordenadora de inglês do colégio Vera Cruz, em São Paulo.

“Só de aprender outro idioma, a pessoa ganha em seu desenvolvimento mental”, diz Rita Botter, coordenadora de inglês do colégio Vera Cruz. A aprendizagem ajuda a desenvolver a criatividade e o raciocínio, melhora a concentração e as habilidades de memória. As crianças que aprendem um segundo idioma têm mais facilidade de aprender novos idiomas, pois o cérebro já conheceu outras possibilidades de estruturar frases. “O maior privilégio do aluno é a possibilidade de ter contato com outras culturas e se comunicar com indivíduos que não falam a sua língua. Tudo isso, sem a necessidade de viajar”, completa Rita.

O inglês é hoje o idioma mais utilizado para a comunicação intercultural. É a língua do mundo globalizado, da internet e das redes sociais. Isso é o que diz Lizika Goldcheleger, gerente do departamento acadêmico da escola Cultura Inglesa. “O inglês permite a comunicação com pessoas de outros países e proporciona maior acesso à cultura e ao lazer”, comenta Paula Giannini Corrêa de Mello, coordenadora pedagógica geral do Red Balloon, escola de idiomas de São Paulo. Além disso, falar e escrever em inglês tornou-se um pré-requisito para muitos empregos e oportunidades de estudo.
A chegada da Copa e das Olimpíadas no país também deve estimular a população a buscar o inglês para se comunicar com os estrangeiros. “O próprio governo precisa dar mais importância ao assunto, oferecendo maneiras de instrumentalizar as mais diversas classes sociais”, diz Rita Botter, do Vera Cruz.

Não há uma idade ideal para aprender uma segunda língua. O mais importante não é quando, mas como. “Não adianta a criança aprender cedo, se as condições não forem adequadas. O aprendizado não é simples e os pais precisam entender que o investimento é de longo prazo”, diz Rita Botter, coordenadora de inglês do colégio Vera Cruz.
Respeitar o ritmo de cada aluno também é crucial. Não há um tempo padrão para aprender. “No entanto, é preciso que fique claro que não se aprende uma língua em apenas um ou dois anos”, diz Rita. A aquisição de uma língua estrangeira deve ocorrer de uma forma gradativa e constante.
“As crianças nascem prontas para desenvolver muitas habilidades, entre elas a linguagem”, diz Paula Giannini Corrêa de Mello, coordenadora pedagógica geral do Red Balloon. As que começam cedo teriam mais facilidade de aprender inglês sem sotaque, dominando a língua com fluência e desenvoltura.

Fonte: http://educarparacrescer.abril.com.br/

A Importância do Inglês no Mundo Atual

www.espanglish.com.br-atendimento@espanholinglescuritiba.com.br-(41)3308-9498

http://www.espanglishtraducoes.com.br/conteudos/cursos-de-ingles.html

A expansão da Língua Inglesa delineou-se a partir da Revolução Industrial e do processo de colonização de muitos países nas Américas, Ásia, África e Oceânia. Embora as condições para estabelecer o inglês como língua internacional tenham sido implementadas pela Grã-Bretanha, a emergência dos Estados Unidos como superpotência, em meados do século XX, garantiu a consolidação desse idioma como língua global.

O inglês é falado como primeira língua nos Estados Unidos, Grã-Bretanha, Canadá, Irlanda, Austrália, Nova Zelândia, África do Sul e vários países das Caraíbas.

O fenômeno da crescente globalização do mundo e a consequente necessidade de uma linguagem eficiente de comunicação fez com que a língua inglesa seja hoje fundamental em todo o mundo. É a Língua internacional, das viagens e dos negócios. É a língua da comunicação mundial.

O domínio do idioma significa crescimento, desenvolvimento e, acima de tudo, melhores condições para acompanhar as rápidas mudanças que têm vindo a ocorrer. O Inglês abre assim as portas para o desenvolvimento pessoal, profissional e cultural.

Há estimativas de que 85% das publicações científicas do mundo, 75% de toda a comunicação internacional por escrito, 80% da informação armazenada em todos os computadores do mundo e 90% do conteúdo da Internet são em Inglês.

É um atributo essencial para ingressar num mercado do trabalho cada vez mais competitivo. Com a globalização crescente, muitos jovens ver-se-ão num futuro próximo, obrigados a procurar uma vida melhor no estrangeiro. O Inglês abre muitas portas, começando pela porta do mercado do trabalho.

Com o surgimento da Internet, os conhecimentos de Inglês tornaram-se fundamentais para quem quer ter acesso à informação e quer, por exemplo, fazer uma pesquisa eficiente na Web. A Internet, como um dos mais poderosos instrumentos tecnológicos aptos a trazer e levar informações, irá enfatizar a importância da língua.

O Inglês é a língua da Informática, do cinema mundial, dos desportos internacionais, da aviação, dos encontros científicos, do comércio internacional e do turismo. Tem uma função social e comunicativa. Tornou-se o veículo do intercâmbio cultural.

A intensificação do processo de interação entre povos e culturas por via do estreitamento das relações económicas tem transformado o domínio do Inglês num bem valioso.

Até há bem pouco tempo o inglês era um privilégio de poucos, hoje, é uma necessidade de muitos.

Fonte: http://cefopna.edu.pt

O mundo profissional de quem fala inglês é bem maior R

www.espanglish.com.br-atendimento@espanholinglescuritiba.com.br-(41)3308-9498

http://www.espanglishtraducoes.com.br/conteudos/cursos-de-ingles.html

São Paulo – Se este artigo fosse sobre a importância de falar mais de um idioma — em especial o inglês — para conseguir um bom emprego ou construir uma carreira, ser ia apenas mais um entre tantos, e você já estaria entediado, pensando: “OK, já sei…” Mas não é.

É sobre por que dominar um segundo idioma é fundamental, mesmo que você não trabalhe em uma multinacional nem atenda turistas. Nesses casos, está claro que se comunicar em outro idioma é competência crítica. Mas e nas outras empresas e nos outros trabalhos, em que a chance de dizer good morning, buenos dias ou guten Tag é remota?

Por que continua sendo importante ter algum nível de bilinguismo? Há pelo menos três explicações: a primeira é cultural, a segunda é pragmática e a terceira é cerebral.

Do ponto de vista cultural, o que se leva em consideração é que, se você fala inglês ou outra língua, é porque estudou mais e, nesse caso, tem mais conhecimento.

O domínio de línguas estrangeiras seria, então, um sinal da qualificação cultural do candidato, coisa que jamais é desconsiderada na hora da seleção de emprego. Quanto à questão pragmática, basta citar o seguinte: se você digitar noGoogle a frase “como alavancar resultados”, terá como resposta um pouco menos de 2 milhões de links, mas, se escrever “how to leverage results”, encontrará mais de 50 milhões.

Sim, a biblioteca virtual é imensamente maior se acessada em inglês. O mundo é consideravelmente maior para quem tem menos barreiras de comunicação. E ainda tem a questão cerebral-cognitiva.

A neurociência nos explica que usamos a parte frontal do cérebro para aprender por meio das emoções, que acionamos as partes laterais quando aprendemos por estímulos auditivos e que, quando aprendemos por meio de imagens, é a parte posterior do cérebro que funciona.

Já para aprender idiomas usamos o cérebro inteiro. Em outras palavras, pessoas que falam mais de uma língua costumam ter o cérebro mais elástico, com melhor qualidade dedutiva e maior potencial para aprender outras coisas.

É por isso que ter domínio do inglês (pelo menos) é qualidade desejada e é vantagem competitiva, especialmente em um país em que apenas 3% da população afirma ter algum conhecimento da língua de Shakespeare, e apenas 1% de fato o tem. Think about it!

Fonte: http://exame.abril.com.br

POR QUE APRENDER INGLÊS É IMPORTANTE PARA A SUA CARREIRA

http://www.espanglish.com.br-atendimento@espanholinglescuritiba.com.br-(41)3308-9498

http://www.espanglishtraducoes.com.br/conteudos/cursos-de-ingles.html

A LÍNGUA INGLESA PODE ALAVANCAR A SUA CARREIRA?

Destaque-se no mercado de trabalho: O nível de inglês do brasileiro está na 70ª posição entre 78 países segunda pesquisa realizada pelo Valor Econômico.

Aumente seu salário: Segundo pesquisa da Catho o domínio de uma língua estrangeira pode aumentar seu salário em até 51%.

Diferencial no processo seletivo: 73% dos profissionais de Recursos Humanos reconhecem os benefícios de estudar no exterior segundo pesquisa realizada pela Kaplan.

A MAIORIA DOS NOSSOS ALUNOS DECIDEM ESTUDAR NO EXTERIOR PARA MELHORAR SUA CARREIRA PROFISSIONAL

52% dos alunos entrevistados tomaram a decisão de de estudar no exterior para alavancar suas carreiras. As motivações para se estudar no exterior também variam entre pessoas que buscam um conhecimento pessoal mais profundo, o contato com novas culturas e visitar novos lugares.

EVOLUÇÃO NO DESEMPENHO PROFISSIONAL APÓS O CURSO

Nossos alunos apontam que estudar inglês no exterior traz múltiplos benefícios para a carreira. Quase a metade afirma que o curso permitiu desempenhar melhor suas funções na empresa onde trabalham. Falar inglês foi diferencial no processo seletivo de 221 de nossos ex-alunos.

1 EM CADA 4 ALUNOS RECEBE MELHORES OPORTUNIDADES EM MENOS DE UM ANO

“Senti uma grande evolução no meu conhecimento de inglês, assim que saí da escola, busquei uma oportunidade de trabalho em uma grande empresa internacional em Londres, onde continuo evoluindo profissionalmente até hoje. “

Charles Dobignies – Brasil

Fonte:http://www.kaplaninternational.com

A importância da língua inglesa em nossas vidas

http://www.espanglish.com.br-atendimento@espanholinglescuritiba.com.br-(41)3308-9498

http://www.espanglishtraducoes.com.br/conteudos/cursos-de-ingles.html

Quando pensamos em aprender uma língua estrangeira, temos um propósito que nos move. Somos cobrados no trabalho, precisamos de um reforço na escola, escolhemos viajar para fora do país. Outras vezes optamos por manter esse “monstro” longe de nós. Vamos dar uma volta no “shopping” para passar o tempo. Nas lojas, os cartazes “on sale” chamam a nossa atenção, está tudo com “50%off”. As crianças apontam para a loja de brinquedos pedindo um “playstation”. A mãe está de olho no “show room” da loja de móveis. O pai, com uma fome danada, sugere que eles paguem o “ticket” do estacionamento, peguem o carro, passem no “drive-thru” e comam algum “fast food”. “Hamburger”, “milkshake”, “hotdog”… Ah! Para a mãe, um refri “diet”. Já de volta para casa, ligamos o “notebook” para trabalhar, enquanto as crianças se divertem na “lan house” perto de casa. Pegamos o “pen drive” e o “CD”. Pede-se um “password” antes que entre a tela do “desktop”. Entramos no “Messenger”, abrimos “e-mails” e navegamos por horas na “internet”. Na TV, tudo sobre o mundo “fashion” e as “top models” mais badaladas do momento. Mesmo optando por não estudar inglês, aquele “monstro” esteve conosco todo esse tempo. Talvez aprender uma língua estrangeira não seja tão ruim assim! A importância do inglês é clara, está ao nosso redor. E foi pensando nisso que essa coluna nasceu. Para te dar dicas de inglês, para desmistificar a aprendizagem de uma língua estrangeira, e para mostrar que esse mundo das palavras é acessível para todos nós!

Fonte: http://www.folhadosarandi.com.br/

Hawaí,um paraíso no meio do pacífico

 

www.espanglish.com.br-atendimento@espanholinglescuritiba.com.br-(41)3308-9498

http://www.espanglishtraducoes.com.br/conteudos/cursos-de-ingles.html

A maioria das pessoas quando pesam no Havaí imaginam coqueiros, praias com areia branca e a dança do hula-hula. Entretanto, além do clima agradável e do cenário espetacular, o Havaí também é história, cultura, economia admirável, ótimos cursos profissionalizantes e faculdades, atividades ao ar livre e uma ativa vida noturna. Ou seja, um local ideal para estudantes que desejam desfrutar da educação americana em uma atmosfera internacional.

Com belíssimas ilhas, praias, muito sol e surfe, o Hawaí, quinquagésimo estado dos EUA, possui a capital mais desejada e visitada pelos turistas, Honolulu, um verdadeiro paraíso localizado na ilha Oahu.
Pesquisas realizadas mostram que o Hawaí tem um dos mais altos índices de aprovação entre os turistas do mundo inteiro.

Porta de entrada da maioria dos turistas, Oahu é o local onde, ainda no aeroporto, as pessoas são brindadas com um perfumado colar de flores – orquídeas ou plumérias -, chamado “lei”.

Muitos “alohas”depois, dê um passeio rápido pela cidade. Você logo vai identificá-la com Miami, por causa da quantidade de lojas, restaurantes, shoppings e hotéis (só no bairro de Waikiki há 32 mil quartos, mais que na cidade de São Paulo).

Mas a impressão logo passa quando você explora a ilha. A primeira parada é na praia de Waikiki, onde os surfistas não muito ousados e os aprendizes tem ondas sob medida. Na areia, pranchas para alugar (US$8/hora) e instrutores de surf (US$ 35/aula) disputam espaço com banhistas e velhinhos caçadores de tesouro com seus detectores de metal.

  • Clima

No Havaí, as mudanças de estação são sutis, mas existem; somente é preciso se acostumar.
Em quase todo o Havaí a temperatura é agradável: entre 23°C e 31°C de abril a outubro, e mais fria e úmida, entre 18°C e 28°C, de novembro a março.

O termômetro quase nunca é marca menos do que 15°C, nem ultrapassa os 32°C.
Quando há erupções vulcânicas na Grande Ilha, uma capa de fumaça se eleva no céu durante alguns dias, em especial na zona de Kona. Os ilhéus chamam a essa neblina vog, ou “névoa vulcânica”. As pessoas que sofrem de asma ou têm problemas respiratórios devem tomar precauções durante os dias que haja vog.

  • Esportes

SurfingAs pessoas desfrutam de atividades ao ar livre durante todas as estações do ano. Esportes aquáticos como surfe, body boarding e body surfing, pesca, mergulho, mergulho com snorkel, canoagem e windsurf estão entre as atividades mais populares. Outros esportes e atividades como voleibol, tênis, patinação, golfe, corrida, ciclismo, asa delta, paraquedismo, planador, iatismo, remo e hipismo podem ser desfrutados o ano inteiro.

  • Inundações repentinas

Nas zonas de montanha, as chuvas intensas produzem transbordamentos dos rios e as enchentes nos vales. Se for fazer excursão pelos vales, é aconselhável ter cuidado com as chuvas, já que as subidas se produzem num curto espaço de tempo e de maneira repentina.

  • População

O que realmente torna o Havaí tão especial é sua diversificada população composta de havaianos nativos, americanos asiáticos, caucasianos, asiáticos, hispânicos, afro-americanos, americanos nativos e muito mais. No decorrer dos anos, o estado tornou-se um modelo para que muitas raças diferentes convivam em paz, lado a lado.

O Havaí ocupa o 2.º lugar em número de habitantes por casa; o 3.º em número de matrimônios; o 14.º em número de habitantes por quilômetro quadrado; e o 30.º em divórcios.

O turismo garante 72% da economia do estado, dispondo de um excelente nível de serviço nas categorias de hotelaria, transporte, espetáculos e também de restaurantes, reconhecidos mundialmente. Seus visitantes são respeitados e atendidos com o “Espírito de Aloha”, a hospitalidade das ilhas.

Além de sol, praia e surfe, o Hawaí dispõe de uma grande variedade de atividades como festivais, vida noturna, cultura, esporte e shoppings.

  • Um pouco mais sobre o Hawai

Situadas no meio do Oceano Pacífico as oito ilhas do Hawaii; contaram durante séculos com a distância, para manter-se praticamente isoladas de outras civilizações. Séculos atrás os primeiros habitantes das ilhas, os polinésios, cruzaram milhas e milhas do Pacífico provavelmente vindos do Tahiti. Os europeus só chegaram em 18 de janeiro de 1778, quando o Capitão Cook tomou posse das terras em nome da Coroa Britânica.

Batizaram-nas com o nome de Sandwich, em homenagem ao Lorde John Montagu Sandwich o quarto conde da família e primeiro almirante. Milionário e inveterado jogador. Para ficar mais tempo à mesa de jogo, Sandwinch costumava mandar seus empregados rechearem fatias de pão com carnes e molhos onde servia-se durante os seus intermináveis carteados. A rápida refeição popularizou-se e hoje confunde-se o seu nome com o do seu criador.

Larva vulcãoTodas as ilhas havaianas foram geradas por vulcões, sendo que a mais jovem delas, Big Island, continua crescendo graças as constantes erupções do Kilauea. Desde 1983, calcula-se que mais de 30 hectares foram acrescentados ao território da ilha pela lava vulcânica.

Em matéria de Surf, as ilhas do Hawaii são consideradas como um dos principais points do planeta. Maui é famosa por Honolua Bay, uma das melhores direitas do mundo, que quando esta quebrando é um espetáculo para a platéia pois as ondas quebram direto embaixo de um “cliff” que permite uma visão privilegiada das ondas. Outro lugar onde as ondas são consideradas muito boas quando não venta, é Ho’okipa. Sem falar em outras praias do arquipélago, como: Pipeline, Sunset Beach, e muitas outras.

As ilhas têm uma flora variada com aproximadamente 2.500 tipos de plantas muitas das quais não encontradas em outro lugar do planeta. Orquídeas, hibiscos, buganvílias e gardênias são encontradas em grandes quantidades. Exóticos pássaros habitam o Hawaii;, como o nene e o ganso havaiano. São achados muitos marlins e golfinhos perto de suas praias.

Muitos dos locais históricos do Hawaii; datam do período pré-europeu: o Pu’uhonua Honaunau-Parque Nacional Histórico na ilha Hawaii;, inclui locais de casas pré-históricas, viveiros de peixes reais, coqueiros, e paisagem litoral espetacular. Puukohola Heiau é um local Histórico, ruínas de um templo real na ilha Hawaii

Das mais de cem mil pessoas que vivem nas ilhas, quase oitocentas mil residem em Oahu, onde está a cidade de Honolulu, capital do Estado, com sua famosa praia de Waikiki. Todo o arquipélago tem aproximadamente 130 ilhas mas apenas 8 são consideradas maiores: Oahu, Kahoolawe, Maui, Lanai, Molakai, Nihau, Kauai e Hawaii.