Mais de 200 línguas são faladas nas casas do Canadá

A imigração é atualmente a grande responsável pelo crescimento da população canadense. Com a chegada de imigrantes de várias partes do mundo, é natural também que diversos idiomas comecem a fazer parte do cenário nacional. O idioma mais falado no Canadá, depois do inglês e do francês, é o mandarim. Cerca de 641 mil pessoas. Seguido pelo cantonês e pelo punjabi.

Entretanto, o idioma que tem a maior taxa de crescimento não é o chinês mas o tagalog, falado nas Filipinas. O número de pessoas que tem o idioma como língua nativa cresceu 35% desde o último Censo. Esse número não mostrou nenhuma surpresa pois as Filipinas são o país que mais enviou imigrantes para o Canadá. Mais de 50.000 filipinos tornaram-se residentes permanentes em 2015.

Segundo Jean-Pierre Corbeil, diretor assistente do centro de linguagem étnico-cultural e estatísticas de imigração do Statistics Canada, o tagalog teve um crescimento enorme entre 2006 e 2011. “Em 2011 menos de 400.000 pessoas diziam falar tagalog em casa. Hoje são 525.000.”

Padrões de imigração

É possível identificar o padrão da imigração ao observar os idiomas falados nas regiões.

Depois do inglês e francês, o árabe é o idioma mais falado em New Brunswick e Nova Scotia. O mandarin é o mais falado em Prince Edward Island.

O árabe também teve um aumento significativo em Québec. A província francófona teve também um outro dado interessante. Houve um diminuição do francês como idioma nativo, caindo de 79.9% para 78.4%.

Mais de 200 línguas são faladas nas casas do Canadá
Idiomas mais falados em casa nas províncias e territórios (excluindo o francês e o inglês)

Apesar de falarem o mesmo idioma, a origem das pessoas que falam árabe nessas províncias é diferente. Em Québec a maior parte vem do norte da África. Já nas províncias do atlântico e em Ontário, a maioria vem do oriente médio.

Mais da metade das pessoas que falam um idioma não oficial mora em Ontário. O mandarim é basicamente o idioma não oficial na província, com mais da metade das pessoas que falam esse idioma residindo lá.

O tagalog é o mais falado nas prairies e nos territórios, enquanto que o punjabi é o mais falado em British Columbia, seguido muito de perto pelo mandarim e o cantonês.

Mais de 200 línguas são faladas nas casas do Canadá“Desde o último Censo é claro que o Canadá tem recebido mais e mais imigrantes vindos da Ásia e do oriente médio”, disse Corbeil. Ele continua dizendo que “apesar da diversidade, alguns idiomas são realmente predominantes”.

O Censo registrou que mais de 200 línguas são faladas nas casas do Canadá. Das 213 registradas, sete são as faladas pela maioria das pessoas: mandarim, cantonês, punjabi, espanhol, tagalog, árabe e italiano.

Idiomas falados na Europa tem perdido a hegemonia lentamente. Por exemplo, o alemão é o idioma estrangeiro mais reportado em Manitoba, mas o tagalog é o que mas aparece como falado em casa. Segundo Corbeil, o alemão deve passar para o segundo lugar muito em breve na província.

Línguas aborígenes

O Inuktitut e o Dogrib (Tlicho) são os mais falados nos territórios. O número de pessoas que reportaram falar um dos idiomas em casa aumentou desde o último Censo.

O idioma não oficial mais falado em Newfoundland e Labrador também é uma língua aborígene: o montagnais.

“Três línguas aborígenes tem crescido rapidamente”, disse Corbeil. “O Cree, Inuktitut e Ojibway são os que mais aparecem (entre as línguas aborígenes).” Juntas essas três representam 63% das pessoas que falam uma língua aborígene em casa. Acredita-se que a razão é devido ao crescimento populacional acima da média nacional entre essa população.

Cidades multilíngües

Três quartos das pessoas que relatam falar um idioma não oficial mora em uma das grandes metrópoles: Toronto, Montreal, Ottawa/Gatineau, Calgary, Edmonton ou Vancouver.

O árabe é o idioma estrangeiro mais falado em Ottawa e Montreal. O cantonês o mais falado em Vancouver e Toronto e o tagalog o mais falado em Calgary e Edmonton.

É importante notar que apesar do crescimento do número de pessoas que falar outros idiomas não significa que o inglês e o francês estejam perdendo espaço. 70% das pessoas que falam um idioma estrangeiro como língua nativa também falam inglês ou francês em casa.

Mais de 200 línguas são faladas nas casas do Canadá

fonte: https://www.canadaagora.com/noticias/mais-de-200-linguas-sao-faladas-nas-casas-do-canada.html

Anúncios

São Paulo agora tem conteúdo diário em inglês e espanhol

Além de contar com a torcida de são-paulinos espalhados pelo mundo todo, o São Paulo está entre os clubes brasileiros que mais recebe apoio de fãs estrangeiros. Com grande histórico de títulos fora do Brasil e um elenco recheado de jogadores de diversas nacionalidades, o Tricolor conquistou a simpatia de torcedores de várias partes do mundo. Nosso camisa 10 Cueva, por exemplo, fez com que o Peru ultrapassasse os Estados Unidos na porcentagem de seguidores do clube no Facebook. Os norte-americanos, por sua vez, cresceram em grande número nas redes tricolores desde a estadia da seleção dos EUA no CT da Barra Funda, na Copa do Mundo de 2014.

Para levar as informações sobre o São Paulo a esses tricolores e dar maior abrangência às iniciativas de internacionalização da marca do clube, a área de comunicação do clube lança duas novas contas no Twitter, em inglês e espanhol, além de publicações no Medium (uma das plataformas que mais cresce no meio digital) também nas duas línguas. As contas começam com vídeos de Rogério Ceni (inglês) e Cueva (espanhol), e recheadas de informação sobre a pré-temporada da equipe principal nos Estados Unidos. Todos os dias, pelo menos uma notícia publicada no site oficial será traduzida para as duas línguas e divulgada na rede social. Posts diários no próprio Twitter e também no Facebook estão previstos.

“O São Paulo tem uma grande base de torcedores que vivem fora do Brasil, além dos fãs que se encantaram com o futebol apresentado em nossas grandes conquistas internacionais. Para o clube, é muito importante seguir informando esses apaixonados pelo time sobre o nosso dia a dia, além de aumentar a base de torcedores reforçando o conceito ‘internacionalização’ do São Paulo. Esperamos levar aos são-paulinos e a novos são-paulinos as melhores notícias”, explica Edson Lapolla, diretor de comunicação do clube.

  • SITE MAIS ACESSADO DAS AMÉRICAS

Os números comprovam: o conteúdo produzido pelo Tricolor vem alcançando resultados cada vez mais expressivos. Na última semana, um estudo da UEFA colocou o site oficial do Tricolor como o site de clubes mais acessado das Américas. O saopaulofc.net e o endereço do egípcio Al Ahly são os dois únicos não-europeus que figuram no Top 20 mundial.

O São Paulo é ainda o único clube brasileiro a estar no Top 3 nacional nas principais mídias sociais. Somados, os canais tricolores alcançam quase 12 milhões de seguidores. A página do clube no Facebook chegou a um alcance de até 35 milhões de pessoas em uma mesma semana em 2016, logo após a goleada por 4 a 0 sobre o Corinthians.

A iniciativa de internacionalização da comunicação do clube expande agora o alcance do conteúdo produzido pela Comunicação do clube, levando o Tricolor aos corações de fãs do futebol de diversas nacionalidades.

Fonte: http://www.saopaulofc.net

Espanglish Traduções oferece serviços de tradução na Cidade de São Paulo e em todo o estado. Tradução Simultânea (equipamento e intérpretes), Tradução Consecutiva, legendas de vídeos e filmes, tradução técnica, tradução de artigos científicos, tradução de manuais, tradução juramentada em mais de 20 idiomas: inglês, espanhol, alemão, italiano, francês, mandarim, japonês, etc.

Traduções em São Paulo é com a Espanglish Traduções. Faça um orçamento sem compromisso!  Telefone (41)3308-9498 / (41)99667-9498  email: atendimento@espanholinglescuritiba.com.br      www.espanglish.com.br