A culinária francesa é uma das mais tradicionais do mundo. 

Espanglish Traduções

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Intérprete simultâneo em francês.

http://www.espanglish.com.br

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

A França é um país de grande herança cultural em todos os sentidos, na culinária não é diferente. A França tem uma culinária que é uma das mais tradicionais em todo mundo. As comidas típicas francesas convivem perfeitamente com a nouvelle cuisine.

A nouvelle cuisine, a propósito, é uma maneira de cozinhar usada na cozinha francesa a partir de década de setenta, em contraste com a cozinha clássica, a “nova cozinha francesa” tem com característica a leveza e delicadeza dos pratos e a ênfase na apresentação. Este movimento revolucionou a “alta cozinha” e contribuiu para a gastronomia moderna no mundo todo.

Confira alguns pratos tradicionais da requintada culinária francesa:

Croissant

croissant

Esse já é querido pelos brasileiros, sua massa era inicialmente feita como a de pão comum e ao longo do tempo foi modificada. A massa folhada como conhecemos foi aprimorada pelos padeiros de Paris, no início do século 20.

Petit Gâteau

Petit_Gateau

Outro prato bem conhecido e delicioso! A receita original é composta por um bolo de chocolate mal passado e com interior cremoso, acompanhado de uma bola de sorvete de baunilha. Aqui no Brasil já podemos encontrar várias versões dessa receita.

Macarons

macarons

O prato foi na realidade introduzido na França pela Catarina di Médici, uma rainha italiana. Mas as freiras de Nancy descobriram a receita secreta e passaram a produzi-la, tornando a cidade um local famoso pelos primeiro macarons franceses. O prato foi incrementado, no século XX, com deliciosos recheios, deixando-os do jeito que conhemos hoje. O prato é super requisitado em eventos aqui no Brasil, com várias cores.

Madeleine com especiarias

madeleine

Um bolinho amanteigado em formato de concha. É um dos doces mais tradicionais da cozinha francesa e ficou eternizado na obra do escrito Marcel Proust, “Em busca do tempo perdido”, na qual ele descreve as lembranças despertadas pelas ‘madalenas’, como também é conhecida.

Ratatouille

ratatouille

É um receita típica da região de Provença, na França. O nome significa picar ou triturar. Um prato a base de legumes, não pode faltar beringela nem tomate. Para quem não conhecia o prato, provavelmente passou a conhecer depois do filme do ratinho cozinheiro, intitulado com o nome do prato típico francês, Ratatouille.

Cassoulet

CASSOULET

Típico das cidades de Carcassone, Castelnaudary e Toulouse. É um clássico da culinária francesa e teria nascido durante a guerra dos Cem Anos, como um cozido feito com todos os ingredientes disponíveis, análogo a nossa feijoada. É um prato ideal para o inverso, preparado com feijões brancos, frango e variedades de carne de porco.

Profiterole

profiteroles

Uma deliciosa sobremesa feita de massa açucarada recheada com cremes, sorvetes ou caldas. É um doce bastante popular na França, e teria sido criado por um chef italiano, atendendo a um pedido de Catarina de Médicis.

Croque monsieur

croque-monsieur

É um lanche preparado com pão de forma, queijo gruyère, manteiga e molho branco bechamel. O prato nasceu em Paris, no início do século 19.

Quiche lorraine

quiche-lorraine

Um prato tradicional da região da Alsácia. Tem como recheio uma mistura de bacon, creme de leite, manteira e noz-moscada.

Coq au vin

Coq-Au-Vin

Uma receita que já possui séculos de existência. Segundo consta, foi criado para o imperado romano, Julio César, ao conquistar a região da Gália. A receita original era preparada com galos em idade avançada e o vinho para amaciar a carne. Hoje em dia, pode ser feito com frango ou galinha caipira, é cozinhado com bacon, cebora, alho, vinho tinto, cogumelos, salsa, entre outros ingredientes.

Fonte: https://www.getninjas.com.br/guia/eventos/cozinha-para-eventos/10-comidas-tipicas-culinaria-francesa/

Conheça um pouco mais sobre a cultura francesa

Espanglish Traduções

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradução simultânea em francês.

http://www.espanglish.com.br

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

O país mais visitado do mundo, a França, é conhecido por seus pontos turísticos — entre eles a Torre Eiffel e o Museu do Louvre —. A França também por seus vinhos saborosos e sua deliciosa gastronomia. Contudo, a cultura francesa vai além, muitos costumes e hábitos fazem do país um lugar especial do continente europeu.

Os franceses amam seu país, não “saem à francesa”, prezam pela boa educação, andam de patinete e não tomam mais de um banho por dia! Para você conhecer um pouco mais das peculiaridades da cultura francesa, separamos algumas delas. Continue a leitura e se delicie com o charme francês.

Por que os franceses são muito nacionalistas?

Eles realmente vestem a camisa da França, e não estamos falando somente daquela que sempre brilha nas Copas do Mundo de Futebol. O orgulho quanto a sua origem e em relação às peculiaridades culturais de seu país está estampado no rosto dos franceses.

Por mais que eles saibam falar e se expressar em outros idiomas, como o inglês, por exemplo, diante de tanto amor pela nação, a preferência é sempre pela conversa em sua língua oficial.

De onde vem o termo “sair à francesa”?

Um costume quando um francês chega e sai de um lugar é cumprimentar todo mundo, um por um. Quando há mais intimidade, com dois beijinhos no rosto, quando há menos, com apertos de mãos. Então, por que dizemos “sair à francesa” se eles são tão educados?

Na verdade, por lá, eles conhecem esse termo como “sair à inglesa” e, realmente, ele foi criado na terra da Rainha. Por isso, mesmo que tenha se espalhado como francesa, sair de uma festa sem se despedir, na França, é uma atitude rude e malvista.

Será que eles não gostam de tomar banho?

Para muitos franceses, o banho fica em segundo plano nos afazeres diários, mas isso nem sempre quer dizer que eles não gostam de tomá-lo. A questão é que eles não tomam dois ou três banhos no mesmo dia por mais calor que faça!

Como vinhos e queijos são vistos na cultura francesa?

Para os franceses, comer e beber bem é essencial para se viver bem, por isso, muitos de seus vinhos são de produção própria. E quanto ao queijo, ele está em quase tudo na culinária de lá, e é sempre bem-vindo.

Diferente de outros países, eles evitam comer entre as refeições principais (almoço e jantar), pois acreditam que isso pode prejudicar o sabor desses pratos. Por fim, se faltar assunto em uma roda de amigos franceses, comece a falar de comida — tema que rende em qualquer canto do país.

Por que os franceses não conversam no metrô?

Mais uma vez, o que se destaca é a boa educação e, para eles, conversas altas e barulho em excesso não demonstram isso. Talvez esse seja um dos motivos pelos quais vistos como pessoas frias, entretanto, essa é só uma maneira de respeitar o ambiente público, abaixando o tom de voz.

Quando eles mais utilizam a bicicleta?

Por todo lado, você vai ver alguém em uma bicicleta. E eles vão além, usando e abusando do patinete. Lá, o que, para os brasileiros, é só um brinquedo de criança, é um meio de locomoção prático e utilizado por jovens, adultos e idosos, não importa a idade nem para onde estão indo.

São muitas as curiosidades quando o assunto é a cultura francesa, pois são um povo que ama de verdade sua nação. Por isso, mesmo com tantas diferenças marcantes em relação ao que estamos acostumados a ver e viver no Brasil, a França é um ótimo para se visitar e para se viver.

Fonte: https://mytargetidiomas.com.br/blog/cultura-francesa/

TOP 10 LUGARES PARA VISITAR NOS ESTADOS UNIDOS

Espanglish Traduções

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Intérprete simultâneo em inglês.

http://www.espanglish.com.br 

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

Assista este vídeo que mostra os melhores lugares para visitar nos Estados Unidos, retratando outlets, rios, prédios, casinos, as ruas, neve, entre outras coisas.

canal: Mi Alves

 

Igreja da Inglaterra instala campo de golfe dentro do templo

Espanglish Traduções

Site:  www.espanglish.com.br

 atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

Whatsapp: (41)99667-9498

Telefone: (41) 3308-9498

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradução Simultânea em Inglês para todas as regiões do Brasil!!

Rochester Cathedral vista por fora

Para atrair mais visitantes, a segunda catedral mais antiga da Inglaterra instalou um campo de minigolfe dentro da igreja e isso tem desagradado muitos os fiéis da Catedral de Rochester.

O campo de golfe foi montado para este verão (até 1º de setembro) com o objetivo de “incentivar os jovens a aprender mais sobre a engenharia por trás das pontes”, segundo o reverendo Rachel Philips, porta-voz da igreja, “por mais de 1.400 anos, a Catedral de Rochester tem sido um centro de aprendizado para a comunidade”.

fonte: https://www.gospelprime.com.br/igreja-historica-instala-campo-de-minigolfe-dentro-do-templo-e-gera-polemica-na-inglaterra/

DESCOBRINDO AS COMIDAS DE ISRAEL

Assista esse vídeo que mostra algumas comidas de Israel:

 

canal: Mohamad Hindi

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradução de Hebraico em Curitiba

http://www.espanglish.com.br 

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

 

OS LUGARES MAIS LINDOS DA ALEMANHA

Assista esse vídeo que mostra os lugares mais bonitos da Alemanha:

canal: O Alemão

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Tradutor Alemão em Curitiba

http://www.espanglish.com.br 

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

Aprendizado de inglês fora da sala de aula ajuda na retenção de informações e cria memória afetiva

Espanglish Traduções oferece seus serviços de Legendas de inglês em Curitiba

http://www.espanglish.com.br 

(41)3308-9498 / (41)99667-9498

atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

A maneira mais tradicional de aprender inglês é nas salas de aula, mas aprimorar-se fora dela faz com que as pessoas se envolvam mais com a língua estrangeira e de uma maneira mais prazerosa. A música, o cinema, passeios, um bom livro e até mesmo a tecnologia ajudam no aprendizado da língua estrangeira, principalmente no público 50+. “Trazer o aprendizado de inglês para situações simulando a realidade ou passeios culturais, faz com que o aluno se envolva de tal forma, deixando-o fluir sem restrições ou filtros. A diversão ajuda muito na retenção das informações, pois cria memórias agradáveis”, confirma a professora e sócia-proprietária da Tea Time Escola para Maiores de 50 Anos, Renata Gardiano.
Há mais de seis anos no mercado, a Tea Time lança mão de várias atividades extracurriculares para atender um público que vai dos 50 aos 80 anos. Com duas unidades, uma no Batel e outra na Fábrika, no Alto da XV, em Curitiba, a Tea Time tem uma gama variada de atividades fora da sala de aula que acontecem todas as sextas-feiras e que inclui passeios, leitura coletiva de livros, cinema, música, uma viagem internacional por semestre, passeios de campo curtos, entre outros. “Foi-se o tempo em que acreditávamos que decorar um livro levasse ao conhecimento de algo. A leitura é fundamental, claro, mas a construção de um pensamento crítico se faz através de outras formas de expressão como a música, o cinema, o livro, enfim várias formas desenvolvem habilidades com prazer e emoção”, diz Renata.
Este ano, o aprendizado de inglês na Tea Time foi reforçado com várias atividades entre elas, a visita guiada ao um supermercado e a viagem de campo “Curitiba sob um Novo Olhar”, esta em parceria com a Agência Special Paraná, que foi um dia inteiro de atividades com visita ao Museu do Holocausto, Museu da Vida e Museu Indígena, espetáculo com a Camerata Santa Maria e almoço entre amigos. Teve também viagem de intercâmbio com a escola em Toronto, no Canadá, com formatura em New York, e também intercâmbio escolar em Malta, além do Book Club que acontece uma vez por mês no semestre, onde é lido em conjunto um livro em inglês.

Aluna da Tea Time há um ano, a dona de casa Carminha Zancan, 62 anos, gosta muito de aprender inglês tanto em sala de aula, um local que considera que a faz pensar bastante e fazer amigos, como nas atividades extracurriculares da escola. Na viagem de campo “Curitiba sob um novo olhar”, Carminha disse que parecia que estava em outro país com a guia falando inglês e considerou o passeio “uma experiência profunda”. No passeio de compras ao supermercado, levou uma lista e aprendeu de forma lúdica e divertida o que estava escrito no papel, relacionando com o que comprou, diferente de estar neste estabelecimento comercial em outro país e só pegar o produto e pagar com cartão ou dinheiro.

fonte: http://www.diarioinduscom.com/aprendizado-de-ingles-fora-da-sala-de-aula-ajuda-na-retencao-de-informacoes-e-cria-memoria-afetiva/