Por que a Argentina está oferecendo aulas de cinema para secundaristas?

Projeto desenvolvido em parceria com a França exibe filmes locais e promove debates para despertar nas crianças o gosto pelo cinema e fomentar indústria audiovisual do país.

                DÍAS DE VINILO’, FILME ARGENTINO DE GABRIEL NESCI, É UM DOS QUE ESTÃO SENDO EXIBIDOS AOS ALUNOS

 

Desde agosto de 2016, 7 dos 24 estados argentinos passaram a oferecer aulas de cinema para estudantes de escolas secundárias, frequentadas por crianças e jovens entre 11 e 18 anos.

O programa, chamado “Las escuelas van al cine”, prevê aulas gratuitas em que alunos são levados ao cinema para assistir filmes e aprendem conceitos básicos de análise cinematográfica geral, envolvendo roteiro, fotografia, direção, trilha sonora e iluminação, por exemplo.

A iniciativa é fruto de uma parceria do Incaa, o Instituto Nacional de Cine y Artes Audiovisuales argentino, com o governo francês, que desde 1989 faz o mesmo nas escolas do país com o programa “College au Cinema”.

O objetivo, segundo o Incaa, não é apenas que os jovens desenvolvam interesses profissionais pela área cinematográfica e bagagem cultural: trata-se de incentivar gerações futuras a consumirem mais o cinema local – e, com isso, fomentar a produção audiovisual argentina.

“Me parece uma iniciativa espetacular essa de  colocar a semente do cinema na cabeça das crianças, que têm tanto bombardeio de influências e conteúdos de todos os lados.”

Gabriel Nesci, Diretor de ‘Días de vinilo’, um dos filmes exibidos nas aulas

Como funciona o ‘Las escuelas van al cine’

A primeira exibição do projeto, na cidade de Salta, no noroeste argentino, reuniu 350 alunos de diferentes escolas para uma sessão do filme ‘Días de Vinilo’, do diretor argentino Gabriel Nesci. Depois da exibição, os alunos participaram de um debate com o diretor.

A ideia é que as aulas gratuitas de cinema se passem nos centros do Incaa espalhados pelo país – que têm salas de projeções. Os alunos serão conduzidos até os centros para a exibição e debate sobre os filmes uma vez por semana.

De acordo com o Incaa, o foco das aulas serão filmes argentinos, além de algumas produções francesas. “Foram escolhidos filmes de valor, que vão fomentar o trabalho [de debate] sobre amizade e sobre as diferentes problemáticas que as crianças e adolescentes sofrem”, explicou Mariano Ovejero, secretário de Cultura e Turismo de Salta, ao site argentino Télam.

Além das aulas de cinema, o projeto também lançou um concursodirecionado a jovens argentinos de 13 a 18 anos. Eles devem responder à pergunta “Do que o cinema argentino precisa para que mais jovens como você o assista?”, e as cinco respostas mais criativas serão premiadas. Com o concurso, o Incaa pretende obter pistas sobre como atrair as novas gerações para o cinema.

Cinema na escola

O projeto argentino foi pensado com a ajuda do governo francês. Depois de um acordo assinado pelo presidente François Hollande em uma visita à Argentina em janeiro, o país europeu enviou especialistas em educação à Argentina para discutir melhor a maneira de implantar o programa no país sul-americano.

A iniciativa francesa, que começou há mais de 20 anos, hoje mostra bons resultados para o cinema local. Hoje, 34% dos filmes lançados na França são nacionais, uma das maiores taxas entre os países europeus.

O projeto, planejado em conjunto, determinou a implantação inicial em sete províncias argentinas como piloto. Alejandro Cacetta, diretor do Incaa, disse em um festival de cinema espanhol que o objetivo é tornar o currículo audiovisual uma política pública estatal no país todo.

Na Argentina, a ideia é que a inclusão de ensino sobre audiovisual no currículo básico faça o mesmo pelo cinema argentino: crie nos jovens um gosto pela produção cinematográfica local, o que também trará impactos positivos na produção de filmes nacionais no país.

Além disso, a meta também é despertar nos jovens o gosto pelo cinema tradicional, na tela grande, em vez do consumo exclusivo audiovisual pelo computador ou celular.

Legendas de filmes em espanhol é conosco (também serviço de legendagem em mais de 30 idiomas).

Espanglish Traduções

http://www.espanglish.com.br             (41)3308-9498            atendimento@espanholinglescuritiba.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s